sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Do vício de sermos boazinhas...



«Há uma parte de cada uma de nós, uma parte bem importante, que muitas vezes não gostamos de reconhecer. É a cabra secreta. Não se atrevam sequer a fingir que não sabem de que é que eu estou a falar.
A cabra secreta é a «tia fatal» que cada uma de nós sabe ser, a passear-se com um cigarro na mão e um martini na outra, e que é capaz de chamar os bois pelo nome. A cabra secreta diz o que pensa e pensa o que diz. É um ponto final definitivo no vício de sermos «boazinhas».»

Sinopse do livro "Descubra a Cabra Secreta que existe em si" - Elizabeth Hilts


Com a idade fui "aprimorando" a "cabra" que existe em mim. O problema é que sempre gostei das denominadas "mensagens encriptadas". Aquelas em que apenas aqueles que sabem ouvir entendem. Tal facto impede-me de radicar de vez com o meu vício.




11 comentários:

GATA disse...

Não tenho uma "cabra secreta" em mim porque não somos da mesma espécie. :-) Mas basta-me ser felina: uma gatinha para quem merece, uma pantera para quem não merece!

S* disse...

O meu problema é ser sempre demasiado boazinha.

A Minha Essência disse...

Cada um, à sua maneira tem um animal dentro de si, pronto a sair na altura certa! ;)

Kiss

toto61 disse...

Isto até parece o ZOO.Tanta bicharada inconsequente.

NI disse...

toto61, antes de mais, bem vinda e peço desculpa de não rebater o seu comentário mas a idade ensinou-me que só aprendo com as críticas construtivas.

toto61 disse...

Se me permite a correcção...bem vindo...bom mas isso agora já não depende de mim...

Um bom fim de semana

NI disse...

Claro que permito. Obrigado. Igualmente.

NI disse...

* Obrigada.

Utena disse...

Eu logo vi que tínhamos um lado em comum...

Petra disse...

Podes crer NI: e olha que ha sempre uma cabra secreta pronta a atacar quando nos pisam os calos.

só 1 mulher disse...

É assim tipo a "sra patroa" e a "sra empregada"..
;)
Habitualmente os bonzinhos passam sempre um mau bocado...

1 beijinho

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso